Do outro lado do mundo estão dois destinos que enchem os olhos dos brasileiros: Austrália e Nova Zelândia. São países encantadores, com muitas belezas naturais e um sem fim de atrações turísticas. E, para quem quer conhecer todos os lugares possíveis, pode ser difícil escolher um deles para a próxima viagem.

Isso porque, embora sejam países diferentes, eles têm muitas coisas em comum: a língua nativa é o inglês, uma vez que foram colonizados pela Inglaterra; a natureza é vasta e exuberante; ambos são países desenvolvidos, com excelente infraestrutura para o turismo; e são ótimos lugares para praticar esportes radicais. Poderíamos compará-los com as duplas Canadá e Estados Unidos ou Irlanda e Escócia, por exemplo.
Para decidir, você pode pesquisar um pouco sobre as atrações turísticas e ver quais te interessam mais. Enquanto a Austrália tem lugares como Kangaroo Island, onde você pode ver cangurus de perto, praias paradisíacas em Cairns e a magnífica Grande Barreira de Coral, a Nova Zelândia tem a praia de areia preta em Muriwai, o parque Hobbiton, cenário dos filmes da franquia Senhor dos Anéis, e montanhas nevadas incríveis, com centros de esqui de altíssima qualidade.
Mas existem algumas diferenças fundamentais que também podem te ajudar na escolha, a começar pelo clima. A Austrália é, em geral, mais quente que a Nova Zelândia, que fica numa posição mais ao sul. Enquanto a primeira tem um clima muito parecido com o do Brasil, a segunda tem as estações do ano marcadas e invernos rigorosos em algumas partes do país.

Além disso, você pode pensar no agito das cidades. A Austrália tem cidades maiores e, por isso, uma vida noturna mais animada, com muitos bares e baladas. Já a Nova Zelândia é um pouco mais pacata. Isso se reflete nos moradores: enquanto os australianos são extrovertidos, os neozelandeses são tranquilos e reservados, mas igualmente amigáveis.
Por fim, vale analisar os aspectos práticos: a Nova Zelândia tem um território muito menor que a Austrália, o que permite conhecer mais lugares diferentes em menos tempo. Para uma aventura australiana completa, é preciso ter férias mais longas. Mas se houver tempo suficiente, dá até para combinar os dois destinos em uma viagem só!

Pacotes incríveis